myvelouria_desenho2 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
  ←   Raquel Stolf
 

Indaial-SC, 1975

 

contatos:

55 (48) 84334419
raquel.stolf@gmail.com
raquelstolf33@yahoo.com.br
 

outros links:

soundcloud.com/raquelstolf

soundcloud.com/ceudaboca

soundcloud.com/irrecuperavel-ou-ocioso

soundcloud.com/fundoderio

soundcloud.com/paragrafosdeaudio

soundcloud.com/marparadoxo

 

 

FORMAÇÃO / OUTRAS  ATIVIDADES 

Doutorado em Poéticas Visuais pelo Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul-UFRGS, Porto Alegre, RS, Brasil (2007-2011). Para ler-ver-escutar a pesquisa: Entre a palavra pênsil e a escuta porosa

Mestrado em Poéticas Visuais pelo Instituto de Artes da UFRGS, Porto Alegre, RS, Brasil (2000-2002). 

Licenciatura em Artes Plásticas pelo Centro de Artes – CEART da Universidade  do Estado de Santa Catarina-UDESC, Florianópolis, SC, Brasil (1994-1999).

Professora nos cursos de graduação e Mestrado em Artes Visuais do CEART-UDESC, Florianópolis. Coordenou o Projeto de Extensão Membrana no CEART-UDESC, entre 2003 e 2006, e 11 edições da publicação experimental Sofá, entre 2003 e 2011.

Oficinas e mini-cursos: Palavras pulsáteis (Florianópolis, 2002), A instalação enquanto situação (Joinville, 2003), Palavras de corpo mole (Curitiba, 2010), Laboratório de escuta e escrita (Florianópolis, 2011), Desenhos de escuta (Florianópolis, setembro de 2012), Laboratório de escuta e escrita (Londrina, 2012; Curitiba, 2013), Laboratório de escrita e escuta (Projeto Périplo, Joinville e Criciúma, 2014), Laboratório de escuta e escrita (Blumenau, 2014), Laboratório de escuta e escrita (Curitiba, 2015).

Membro da Comissão do Conselho Consultivo – Exposições Temporárias do Museu Victor Meirelles, Florianópolis, SC, entre 2003 e 2010. Membro da Comissão de seleção do NÚCLEO DE ARTES VISUAIS SESO/PR – Programa de Formação, 2015; participou da Comissão do Projeto PÉRIPLO: vídeos de artistas catarinenses – Prêmio Elisabete Anderle 2013, 2014; membro da Comissão Julgadora temporária da 43a Coletiva de Artistas – Edital de Apoio à Cultura do Sistema Municipal de Desenvolvimento pela Cultura, Fundação Cultural de Joinville, 2013. 

  

EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS

2016

Fundo do ar [sala de escrita], Casa de Cultura Dide Brandão, Itajaí.

2013  

Fundo do ar sob ruído de fundo, Tardanza – Espaço de Arte, Curitiba.

Situação n.1, Museu Victor Meirelles, Florianópolis. 

2011-2012  

Assonâncias de silêncios, Museu de Arte de Santa Catarina, Florianópolis.

2011  

Entre a palavra pênsil e a escuta porosa, Memorial Meyer Filho, Florianópolis.

Entre a palavra pênsil e a escuta porosa, Pinacoteca Barão de Santo Ângelo, Porto Alegre.

2010   

Barulho, ruído, rumor, Divisão de Artes Plásticas – Casa Branca/UEL, Londrina.

2009   

Barulho, ruído, rumor, Fundação Cultural de Criciúma, Criciúma.

2005  

Projeto secreto ] estadias instáveis, Fundação Cultural de Criciúma, Criciúma.

Lista de coisas brancas – coisas que podem ser, que parecem ou que eram brancas, Biblioteca da FURB, SESC de Blumenau.

2004  

FORA [DO AR], Espaço de Montagem, UFRGS, Porto Alegre.

FORA [DO AR], Museu de Arte de Santa Catarina – MASC, Florianópolis.

Lista de coisas brancas – coisas que podem ser, que parecem ou que eram brancas, Espaços do SESC de Lages, Brusque, Xanxerê, Tubarão, Chapecó, Joinville, Florianópolis.

2003  

Céu regravável, Espaço de Arte Contemporânea 803 e 804, Florianópolis.

2002  

Espaços em branco, Museu Victor Meirelles, Biblioteca da FAED-UDESC, Florianópolis.

Ruídos do branco, Torreão, Porto Alegre.

Espaços em branco: e outros brancos, Pinacoteca Barão de Santo Ângelo, Porto Alegre.

1999    

Esquecimentos, Museu da Imagem  e  do  Som – MIS, Florianópolis.

1998  

 Anotações, Casa Açoriana, Florianópolis.

1997    

Larvas, Biblioteca do Centro de Artes – UDESC, Florianópolis.

Chocadeiras, Espaço Oficina – Centro Integrado de Cultura – CIC, Florianópolis.

1990  

Desenhos, Fundação Universidade de Blumenau – FURB, Blumenau.

 

EXPOSIÇÕES, PROJETOS E EVENTOS COLETIVOS

2017

16Feira Tijuana de Arte Impressa Casa do Povo, São Paulo (agosto).

RIVER FILM / pedra fantasma / mar paradoxo (com Helder Martinovsky), Museu da Imagem e do Som, Florianópolis (julho/agosto de 2017); Fundação Cultural de Rio do Sul, Rio do Sul (setembro de 2017); Casa de Cultura Dide Brandão, Itajaí (dezembro de 2017).

Umas e outros (curadoria de Josué Mattos), Museu de Arte de Santa Catarina – MASC, Florianópolis.

15a Feira Tijuana de Arte Impressa, Escola de Artes Visuais Parque Lage, Rio de Janeiro.

13a edição Projeto Armazém (curadoria de Juliana Crispe, Ricardo Corona, Sandra Fávero e Sonia Brida), Museu da Gravura Cidade de Curitiba, Curitiba.

11a edição Projeto Armazém (curadoria de Juliana Crispe, Daniele Zacarão, Letícia Cardoso), UNESC – Universidade do Extremo Sul Catarinense, Criciúma.

Salão de Festas (Projeto Armazém), Museu de Arte de Santa Catarina – MASC, Florianópolis.

Feira Folhagem – feira-espaço de impressos e publicações, Casa Baka, Porto Alegre.

Experimentação 5 (curadoria de Zacarão e Claudia Zimmer), Espaço Cultural Armazém – Coletivo Elza, Florianópolis.

Espécies de escutas, Sala de leitura | Sala de escuta, DAV-CEART-UDESC, Florianópolis.

Projeto Paragens: desenvolvimento de projeto sonoro para o filme e videoinstalação O Casamento de Clarice e Bataille, de Aline Dias e Julia Amaral, exposto na 6a edição do Salão Paranaense, no MON – Museu Oscar Niemeyer e no I Programa de Exposições 2017 do Centro Cultural São Paulo-CCSP, 2017. 

2016

Quando o tempo aperta (curadoria de Raphael Fonseca), Palácio das Artes, Belo Horizonte, Paço Imperial, Rio de Janeiro.

10a Feira Tijuana de Arte Impressa, Escola de Artes Visuais Parque Lage, Rio de Janeiro.

11a Feira Tijuana de Arte Impressa Casa do Povo, São Paulo.

ARMAZÉM – 7a edição (curadoria Juliana Crispe, Marina Moros), Nacasa Coletivo Artístico, Florianópolis.

ARMAZÉM – 8a edição (curadoria Juliana Crispe, Marina Moros), O Sitio Arte Educação Coworking, Florianópolis.

Artistas do acervo do Museu Victor Meirelles, Espaço Multiuso do Campus Itajaí – UNIVALI, Itajaí.

FLAMBOIÃ – feira de publicações de artista, Palácio Cruz e Sousa – MHSC / SESC-SC, Florianópolis.

Mesa de publicações de artista – Evento E aí? – Arte-SESC Confluências nas artes visuais em Santa Catarina, UNESC, Criciúma.

Ocupa Tapumes – III Encontro de Cidades e Universidades em Porto Alegre (curadoria de Maria Ivone dos Santos – Formas de Pensar a Escultura – FPES / Perdidos no Espaço – UFRGS), Porto Alegre.

Pretexto_ publicações de artista (curadoria de Regina Melim), Biblioteca Sesc Prainha – SESC, Florianópolis.

Intersecções com a paisagem (curadoria de Juliana Crispe) – Semana Victor Meirelles, Museu Victor Meirelles, Florianópolis.

2015/2016 

Tendências do Livro de Artista no Brasil: 30 anos depois (curadoria de Amir Brito Cadôr e Paulo  Silveira), Centro Cultural São Paulo, São Paulo.

2015

10a Bienal do Mercosul ­- Mensagens de Uma Nova América, Centro Cultural CEEE Erico Verissimo, Instituto Ling, Memorial do Rio Grande do Sul, Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli – MARGS, Santander Cultural e Usina do Gasômetro, Porto Alegre.

8a Feira de Arte Impressa do Tijuana, Casa do Povo, São Paulo.

ACERVO, Galeria Sancovsky, São Paulo.

ARMAZÉM ­- 6a edição (curadoria de Juliana Crispe e Marina Moros), Museu Victor Meirelles, Florianópolis.

ArteSesc Confluências ­- Eventinho, SESC­-SC, Florianópolis.

LIVROS DE ARTISTA ­- espaços moventes (curadoria de Ana González), Museu da Gravura, Solar do Barão, Curitiba.

PREPOSFORMANCE ­ Grupo 3P (curadoria do Grupo 3P ­ PRÁTICAS E PROCESSOS DA PERFORMANCE), Paço das Artes, São Paulo.

Singularidades/Anotações ­ Rumos Artes Visuais 1998­-2013 (curadoria de Aracy Amaral, Regina Silveira, Paulo Miyada), Paço Imperial, Rio de Janeiro.

Papel de desenho (curadoria de Aline Dias), Galeria Municipal de Arte Pedro Paulo Vecchietti, SESC-Florianópolis.

Ficções (curadoria de Daniela Name), Caixa Cultural, Rio de Janeiro.

Lugar como Lugar (curadoria de Kamilla Nunes), O Sítio, Florianópolis.

PREPOSFORMANCE (curadoria de Carlos Borges, Marcos Martins, Ricardo Maurício, Yiftah Peled), Galeria Flávio de Carvalho-Funarte, São Paulo.

Mostra Coletiva do Prêmio SESI CNI SENAI Marcantonio Villaça, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo-MAC-USP-Ibirapuera, São Paulo.

RADIOPHRENIA (estação de rádio temporária coordenada por Mark Vernon e Barry Burns), Centre for Contemporary Arts de Glasgow, Escócia. 

LIVROS DE ARTISTA – espaços moventes (curadoria de Ana González) Museu da Gravura, Solar do Barão, Curitiba.

TENDA ABERTA – exposição de publicações (curadoria de Fernanda Grigolin e Paula Borghi), Oficina Cultural Oswald Andrade, São Paulo. 

Strangloscope – 7a Mostra Internacional de Áudio, Vídeo/Filme e Performance Experimental - Edição Especial 50 anos do Super 8, Museu da Imagem e do Som – MIS, Florianópolis.

2014    

FRESTAS – TRIENAL DE ARTES (curadoria de Josué Mattos), SESC-Sorocaba, Barracão Cultural, Sorocaba.

Here. Now. Where? – 5th Marrakech Biennial - projeto organizado por Anna Raimondo & Younes Baba-Ali / Saout Radio, Marrocos, África. 

TO BE DONE – projeto de exposição, versão para internet (curadoria de Regina Melim) participa da Artists Books  ExhibitionSenior Research Fellow for Artists’ Books (convite de Sarah Bodman), University of the West, Bristol, UK. 

The stranger that is next to me – ECHOES RADIO PROJECT, selecionada em curadoria de Brandon LaBelle, para o Programa ECHOES, da Associação Cultural OSSO, Lisboa/Portugal.

IN-SONORA VIII – Muestra de Arte Sonoro y Interactivo, Auditório do Museo Nacional Centro de Arte Reina Sofía-MNCARS, Madri/Espanha.

The stranger that is next to me (curadoria de Brandon LaBelle, em colaboração com a Associação Cultural OSSO, Lisboa/Portugal), Errant Bodies, Berlim (http://errantbodiesspace.blogspot.de/).

6a Feira de Arte Impressa do Tijuana, Casa do Povo, São Paulo.  

3a Feira de Publicações Independentes do SESC Pompeia, Sesc Pompéia, São Paulo.

Congresso Extraordinário da Fortaleza de Anhato-Mirim – CEFA (curadoria de Kamilla Nunes, Beatriz Lemos, Marta Mestre, Júlio Martins, Paulo Miyada, Fernando Boppré, Gabriela Motta, Maria Montero, Santiago Navarro, Andrezza Gomes), Praia da Joaquina e Museu da Escola, Florianópolis.

Pela superfície das páginas (curadoria de Júlio Martins), Espaço Cultural Marcantonio Vilaça, Brasília.

Singularidades/Anotações – Rumos Artes Visuais 1998-2013 (curadoria de Aracy Amaral, Paulo Miyada, Regina Silveira), Instituto Itaú Cultural, São Paulo.

Bases Temporárias para Instituições Experimentais (curadoria de Felipe Prando; participa em proposição de Milla Jung), Museu da Gravura, Curitiba. 

Papel de desenho (curadoria de Aline Dias), Casa da Cultura Dide Brandão, Fundação Cultural de Itajaí, SESC-Itajaí e SESC-Blumenau.

2013    

Friccciones – Encuentro de Prácticas Sonoras, CasaViva, Santiago, Chile.

Ensinar e Aprender como Formas de Arte (curadoria de Amir Brito Cadôr), Biblioteca Universitária da UFMG – Divisão de Coleções Especiais e Obras Raras, Belo Horizonte.

Territórios e fugas (curadoria Gustavo Torrezan), Galeria de Artes da Unicamp, Campinas.

Papel de desenho (curadoria Aline Dias), Espaços SESC-SC: Criciúma, Tubarão.

Espuma, vapor, passagem, Projeto W.C. Arte, Divisão de Artes Plásticas – Casa Branca/UEL, Londrina.

I ORNITORRINCO – modos transitivos de criação, Teatro Novelas Curitibanas, Cinemateca de Curitiba.

Turnê – Feira Tijuana, Casa do Povo, São Paulo.

Entrelaços (exposição temporária), Museu Victor Meirelles, Florianópolis.

Preposformance (curadoria do Núcleo de Práticas e Processos da Performance, UFES: Carlos Eduardo Dias Borges, Ricardo Mauricio Gonzaga, Marcos Martins, Ana Maria Tavares, Yiftah Peled)Tardanza - Espaço de Arte / Bienal Internacional de Curitiba, Curitiba. 

Projecto Multiplo (curadoria de Paula Borghi), Centro Cultural São Paulo, São Paulo.

2012    

Amazônia, Lugar da Experiência, Museu da Universidade Federal do Pará, Belém, 2012.

MAR… QUE FALTA (curadoria de Fernando Boppré e Vanessa Schultz), Largo Victor Meirelles, Museu Victor Meirelles, Florianópolis.

Relevo-móvel (ciclo de intervenções urbanas em Projeto de Extensão, coord. Claudia Zimmer, Nara Milioli, Raquel Stolf), Florianópolis.

Turnê – Feira Tijuana, Galeria Vermelho, São Paulo.

Turnê – Publicações de artista, exposição, feira e debate, Fábrica Behring, Rio de Janeiro.

O desejo do verme (curadoria Corpo Editorial), Memorial Meyer Filho, Florianópolis.

Papel de desenho (curadoria Aline Dias), Espaço SESC-São Bento do Sul, São Bento do Sul.

O desejo do verme, Divisão de Artes Plásticas – Casa Branca/UEL, Londrina.

Turnê – Publicações de artista, exposição, feira e debate, SIM Galeria, Curitiba.

Práticas Contemporâneas em Arte Impressa – Projeto Acervo Móvel – Sobrelivros, Centro Cultural da Espanha – CCE, São Paulo.

Through the surface of the pages, (curadoria de Júlio Martins) DRCLAS – David Rockefeller Center for Latin American Studies, Harvard University , Boston, EUA.

2011  

30o Arte Pará, Museu Histórico do Estado do Pará, Belém (artista convidada).

Perdidos no espaço – Diálogos Abertos no Campus Central da UFRGS, Porto Alegre.

3ª Edição da Feira de Arte Impressa do Tijuana, Vermelho, São Paulo.

Sessão corredor “Ó lhó lhó”, mostra de vídeos – curadoria de Kamilla Nunes, Ateliê 397, São Paulo.

Até ½ kg, Fundação Cultural da Paraíba, João Pessoa, Museu de Arte Contemporânea – MAC, Jataí,

Divisão de Artes Plásticas – Casa Branca/UEL, Londrina, Fundação Cultural BADESC, Florianópolis.

Marcelinho Campeche, Contemporão, Florianópolis.

Mostra de vídeo: ZOONA Literária, Paço da Liberdade-SESC, Curitiba.

Espaço sonoro e Mesa publicações (curadoria e participação), 3o SIAV – CEART/UDESC, Florianópolis.

Projecto Multiplo (curadoria de Paula Borghi), Universidad Nacional de Cordoba, Cordoba, Argentina.

Armazém (curadoria de Juliana Crispe), Museu Victor Meirelles, Florianópolis;

2010  

IN-SONORA – VI Muestra de Arte Sonoro e Interactivo, Espacio Cruce, Madri, Espanha.

Transónica + In-Sonora, Museu Olga Costa, Guanajuato, México (artista convidada).

Cadernos de desenho, Galeria Municipal de Arte Victor Kursancew, Joinville; Memorial Meyer Filho, Florianópolis; Fundação Cultural de Criciúma; Museu de Arte da UFPR, Curitiba.

Visitantes, Fundação Hassis, Florianópolis.

Performance e vídeo, mostra de vídeo – curadoria de Regina Melim, Parque Lage, Rio de Janeiro.

Faça algo errado; e diga que fui eu que mandei fazer, Memorial Meyer Filho, Florianópolis.

Projeto Diálogos com a Desterro, Museu Victor Meirelles, Florianópolis.

Loja, Pinacoteca do Instituto de Artes da UFRGS, Porto Alegre.

12º Salão Nacional de Itajaí – Poéticas pessoais em construção, Fundação Cultural de Itajaí, Itajaí (artista convidada);

2009  

IN-SONORA – V Muestra de Arte Sonoro e Interactivo, Studio Banana, Madri, Espanha.

7a Bienal do MERCOSUL – Projeto Radiovisual – Ao redor de 4’33”, Rádio FM Cultura, Porto Alegre.

A EXTENSÃO COMO EFEITO – sala 3, Galeria Montgomery, Berlim, Alemanha.

Contin[g]ente, Centro Cultural Arquipélago, Florianópolis.

Bem Bom, Contemporão Espaço de Performance, Florianópolis.

Salon Light – Flores e Livros, CNEAI e Galeria Vermelho, São Paulo.

Projeto Circuitos Compartilhados, Cine Humberto Mauro, Belo Horizonte.

Loja, Memorial Meyer Filho, Florianópolis, Núcleo de Estudos em Fotografia, Curitiba.

2008  

Arte Pará, Museu Histórico do Estado do Pará, Belém.

Estado-cegueira \estado-escuta, Museu de Arte Contemporânea do Paraná, Curitiba.

Estado-escuta \ estado cegueira, Museu Casa das Onze Janelas, Belém.

2ª noite dos múltiplos, Centro Cultural Arquipélago, Florianópolis.

Sobre a Noção de Despesa (Parte Menos 1), Museu Hassis, Florianópolis.

Rasurando a paisagem – mostra de vídeos, UFSC, Florianópolis.

Noite dos Múltiplos, Centro Cultural Arquipélago, Florianópolis.

Projeto Circuitos Compartilhados, Fundação Cultural de Curitiba, Cinemateca de Curitiba.

amor: leve com você, org.: Regina Melim, Tijuana-Vermelho, São Paulo, Pinacoteca do IA, Porto Alegre.

2007  

Festival Dispositivo – Cine Falcatrua, Paço das Artes, São Paulo.

Observatório Móvel de Paisagem, Espaço Contramão, Florianópolis.

Entre uma coisa e outra (Membrana – projeção de vídeos), Museu Victor Meirelles, Florianópolis.

PF – Exposição portátil, org.: Regina Melim, Galeria A Gentil Carioca, Rio de Janeiro, DEARTES, UFPR, Curitiba, Pyramida Center for Contemporary Art, Haifa, Israel.

2006  

Fiat Mostra Brasil, Porão das Artes – Fundação Bienal de São Paulo, Parque Ibirapuera, São Paulo.

9º Salão Nacional Victor Meirelles, Museu de Arte de Santa Catarina – MASC, Florianópolis.

Entorno de operações mentais, Museu de Arte Sacra, Belém.

Como viver melhor – não leve a arte tão a sério, Espaço Contramão, Florianópolis.

7º Festival de San Martín de los Andes (mostra de vídeo), Neuquén, Argentina.

Emparedados, Museu Histórico de Santa Catarina – Palácio Cruz e Sousa, Florianópolis.

PF – Exposição portátil, org.: Regina Melim, Galeria Vermelho, São Paulo, Fundação Cultural de Criciúma, Casa das Onze Janelas, Belém, Pinacoteca Barão de Santo Ângelo, Porto Alegre, Galeria Yabakatu, Curitiba, Galeria El Borde, Buenos Aires, Argentina.

2005   

61º Salão Paranaense 2005, Museu de Arte Contemporânea do Paraná – MAC, Curitiba.

Panorama da Arte Brasileira, Museu de Arte Moderna de São Paulo – MAM, São Paulo.

15º Festival Internacional de Arte Eletrônica Videobrasil, Sesc Pompéia, São Paulo.

Entregravuras, Museu de Arte de Santa Catarina – MASC, Florianópolis.

Plataforma Perdidos no Espaço – Documentação de Intervenções, Pinacoteca do Instituto de Artes da UFRGS, Porto Alegre.

Projeto Schwanke, Centro Cultural de Jaraguá do Sul – SCAR, Jaraguá do Sul (artista convidada).

2003  

Projeto Schwanke – Perspectiva das Artes Plásticas em Santa Catarina, Galeria Marta Traba – Memorial da América Latina, São Paulo.

Um território da fotografia, Galeria dos Arcos, Usina do Gasômetro, Porto Alegre.

2002  

8º Salão Nacional Victor Meirelles, Museu de Arte de Santa Catarina – MASC, Florianópolis.

1º Salão Luiz Henrique Schwanke de Arte Contemporânea, Centro Cultural de Jaraguá do Sul – SCAR.

2001  

Conduta de Imagem, Projeto Linha Imaginária, Museu Metropolitano, Curitiba.

CASA, intervenção coletiva em casa desocupada, Porto Alegre.

Vertentes Contemporâneas, Rumos Artes Visuais – Itaú Cultural 1999-2000, Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro.

Fotografia: o Espelho Infiel, Rumos Artes Visuais – Itaú Cultural 1999-2000, Belo Horizonte.

2000  

Os livros de todos os dias, Projeto Linha Imaginária, Oficina Oswald de Andrade, São Paulo.

Casa de todos, Projeto Linha Imaginária, Galeria de Arte SESIMINAS, Belo Horizonte.

Vertentes Contemporâneas - Projeto Rumos Artes Visuais/Itaú Cultural 1999-2000, Museu de Arte Contemporânea do Paraná, Curitiba.

Investigações: Rumos Visuais 2 - Projeto Rumos Artes Visuais/Itaú Cultural 1999-2000, Itaú Cultural São Paulo, São Paulo.

1999    

Vertentes Contemporâneas – Projeto Rumos Artes Visuais/Itaú Cultural 1999-2000, Fundação Joaquim Nabuco, Galeria Baobá, Recife.

Vertentes Contemporâneas - Projeto Rumos Artes Visuais/Itaú Cultural 1999-2000, Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, Fortaleza.

 

PROJETOS, PROPOSIÇÕES, PUBLICAÇÕES, AÇÕES, INTERVENÇÕES

2017

Conversa entre Marés / Espaço Embarcação: entrevista ao vivo na Rádio Desterro Cultural, com lançamento da publicação sonora Mar paradoxo. Proposta de Kamilla Nunes. www.mixcloud.com/desterrocultural/conversas-entremares-1-raquel-stolf/

2016

escala acústica [decalagens], trabalho publicado no Jornal Formas de Pensar a Escultura / Perdidos no espaço – Ocupa Jornal. Porto Alegre.

o ouvido que se apaixonou por uma voz, coluna Orilha, Jornal de Borda (ed. Fernanda Grigolin), Ediciones Costeñas, São Paulo.

câmara anecóclea, participa com proposição artística da publicação Biblioteca para corpos em expansão, org. Luana Navarro, Editora Cigarra, Curitiba.

Lista de cosas blancas – cosas que pueden ser, que parecen o que eran blancas, trabalho publicado na Revista Solemne, Edición 03, Ano 02, curadoria Esvin Alarcón Lam, junto a texto de Raphael Fonseca, Guatemala.

2015

LIVRO, FACA, CANIVETE, RASPADOR, JORNAL, CARTA, TINTEIRO, CADERNO, coluna Orilha, Jornal de Borda (ed. Fernanda Grigolin) Ediciones Costeñas, São Paulo.

anecoica, organização e texto de apresentação, céu da boca e ed. Nave, Florianópolis (publicação sonora coletiva produzida no Seminário Investigações sob(re) proposições sonoras, PPGAV-UDESC e na disciplina Instalação Multimídia, DAV-UDESC).

silêncio anecoico, trabalho publicado em O título como meio, org. Claudia Zimmer, Editora Nave, Florianópolis.

Panquecas fantasmáticas (ação sonora, com a participação de Helder Martinovsky, no projeto Artes Sonoras: O Som Pensado e Degustado, curadoria de Lilian Nakahodo), Centro Cultural Sesi Heitor Stockler de França, Curitiba.

areia movediça, coluna Orilha, Jornal de Borda, N.1, ed. Fernanda Grigolin, Ediciones Costeñas, São Paulo, 2015.

2014

anecoica zero, organização e texto de apresentação, céu da boca, Florianópolis (publicação sonora produzida no Seminário Especial Investigações sob(re) proposições sonoras, Mestrado em Artes Visuais, PPGAV-UDESC.

Notas oblíquas [sob uma coleção de silêncios], texto publicado na Bólide – Revista de Literatura e Arte, n.5, março­-abril-­maio 2014, Editora Iluminuras e Medusa Editora, Curitiba. 

escuta do desterro [dia + noite], proposição que integra a publicação coletiva Relevo ­Móvel, do Programa de Extensão homônimo, CEART-­UDESC, Florianópolis: Edição dos Autores.

abafador de ruídos, proposição publicada no livreto Ações Curatoriais, org. Beatriz Lemos, Kamilla Nunes, Marta Mestre, Florianópolis: Ed. dos autores.

assonâncias de silêncios [bibliotecas], trabalho e entrevista publicados em Pela superfície das páginas, org. Júlio Martins, Nunc edições de artista, Belo Horizonte.

60 silêncios empilhados, trabalho publicado em Recibo ▲ – edição pôster, edições Traplev Orçamentos, ano 12, número 16, Recife.

2013  

Céu da boca & ar parado, trabalho publicado no livro organizado por Edith Derdyk, Entre ser um e ser mil – o objeto livro e suas poéticas. Ed. SENAC, São Paulo.

DISSO - coordenação, captação e edição de áudio de publicação experimental coletiva sonora, desenvolvida pelos participantes da oficina Laboratório de escuta e escrita, Casa de Cultura-UEL/Divisão de Artes Plásticas, Londrina.

Ilha de silêncio, trabalho que participa da publicação coletiva Nuvem 6 – Arquipélago Imaginário, coordenada por Brígida Campbell, e produzida em oficina junto ao Programa de Extensão Relevo-Móvel, CEART-UDESC, Florianópolis.

PLUVIAL FLUVIAL (publicação organizada em parceria com Claudia Zimmer). Florianópolis: Editora da Casa, céu da boca, olho-ilha, v.2. p.72.

Membrana-memoriola, organização, captação e edição de áudio, Edição dos autores, Florianópolis (publicação sonora produzida no Projeto de Ensino “Publicações Membrana”, na disciplina de Multimeios, curso de graduação em Artes Visuais, CEART-UDESC).

Membrana-mnemônica,  organização e diagramação, Edição dos autores, Florianópolis, no prelo (publicação impressa e videográfica produzida no Projeto de Ensino “Publicações Membrana”, na disciplina de Imagem em Movimento, curso de graduação em Artes Visuais, CEART-UDESC).

2012   

De sofá em sophá, curadoria de trabalhos desenvolvidos na oficina Laboratório de Invenção de Textos (CEART-UDESC), Memorial Meyer Filho, Florianópolis.

Criptocrocante, organização, captação e edição de áudio, Edição dos autores, Florianópolis (publicação sonora produzida coletivamente na disciplina de Multimeios, curso de graduação em Artes Visuais, CEART-UDESC).

Sarjeta, organização, Edição dos autores, Florianópolis (publicação experimental produzida coletivamente na disciplina de Multimeios, curso de graduação em Artes Visuais, CEART-UDESC).  

2011    

De sofá em sophá, curadoria de trabalhos desenvolvidos na oficina Laboratório de Invenção de Textos (CEART-UDESC), Casa de Cultura UEL / Artes Plásticas, Londrina.

Participação no projeto Desarquivo.org, construído a partir do Arquivo de Emergência (Cristina Ribas e a arquivista), com as publicações: Palavras por PalavrasFORA [DO AR], Jornais do projeto Perdidos no Espaço (PPG em Artes Visuais, Instituto de Artes da UFRGS), entre outras.

Participação do Acervo de Publicações da Casa Tomada (São Paulo) com as publicações FORA [DO AR]Assonâncias de silêncios e as publicações coletivas Sofá-cama, Sofá caixa, Sofá instável e Palavras por palavras.

Publicação sonora Sophá-entrevista, organização, captação e edição de áudio, Florianópolis.

Participação na publicação Recibo 23, edição de Traplev e co-edição de Carla Zaccagnini, São Paulo.

Co-editora da revista Recibo 33 com ruído, com Traplev (editor geral), Florianópolis/Rio de Janeiro: recibo 33 com ruído,    

Proposição Gosto quando escuto a escrita (folheto), encarte no livro Cadernos de Desenhos, org. Aline Dias, Corpo Editorial, Florianópolis.

2009-2011  

Proposição SOU TODA OUVIDOS (cartão-panfleto), distribuição-circulação: Florianópolis, Porto Alegre, Curitiba, Indaial, São Paulo, Londrina.

2010    

Publicação sonora Assonâncias de silêncios, com proposições sonoras e material impresso, Ed. Céu da boca, Florianópolis (projeto contemplado com o Prêmio de Artes Plásticas Marcantonio Vilaça).

Projeto Céu da boca & Ar parado, publicação na revista Bolor, 2009-10, Corpo Editorial, Florianópolis.

2008    

Realização da micro-ação sonora Cigarra, Indaial, Florianópolis e Porto Alegre.

2007    

Participa do Recibo 10 – Observatório Móvel, org. Nara Milioli e Traplev, Florianópolis.

2006    

Publicação do projeto Anuros no livro Ciranda, org. Paulo Silveira, Editora da UFRGS, Porto Alegre.

Publicação Sofá duplo2, organização e participação, Ed. Céu da boca, Florianópolis.

Publicação Sofá caixa, org. e participação, Editora Nauemblu, Florianópolis.

Proposição Como fazer um fantasma portátil, em PF – Por fazer, org. Regina Melim, Ed. Parêntesis, Florianópolis.

2005    

Micro-intervenção sonora Grilo, Projeto Perdidos no Espaço no V Fórum Social Mundial, Porto Alegre.

Publicação Sofá lambe-lambe, org. e participação, UDESC, Florianópolis.

Publicação Sofá instável, org. e participação, UDESC, Florianópolis.

Publicação Sofá-cotovelo, projeto conjunto com Priscila Zaccaron, UDESC, Florianópolis.

2004    

Realização da micro-intervenção sonora Grilo, Porto Alegre.

Publicação sonora FORA [DO AR], com proposições sonoras e material impresso, Florianópolis (projeto contemplado com o Edital de Apoio à Produção de Artes Plásticas, Fundação Catarinense de Cultura – 2002).

Publicação Sofá-inflável, org. e participação, Edição do autor, Florianópolis.

Publicação Sofá-cama, org. e participação, Edição do autor, Florianópolis.

2003    

Intervenção Invisível a ovo nu (adesivos inseridos em espaços de espera), Projeto de Intervenções Perdidos no Espaço, PPG em Artes Visuais e Museu da UFRGS, III Fórum Social Mundial, Porto Alegre.

Publicação Sofá Extra!2, org. e participação, UDESC, Florianópolis.

Publicação Sofá, org. e participação, Edição do autor, Florianópolis.

2002    

Publicação Palavras por palavras, org. e participação, Edição do autor, Florianópolis.

Participação na publicação Recibo, org. Traplev, Florianópolis.

2001-2002  

Intervenção Invisível a ovo nu (cartazes inseridos em espaços de espera), Florianópolis e Lages.

2001    

Publicação sonora Lista de coisas brancas – coisas que podem, que parecem ou que eram brancas, Ed. do autor, Florianópolis (versão longa).

 

 

PRÊMIOS, BOLSAS  

2015

Prêmio Catarinense de Bolsas de Trabalho, Intercâmbio e Residências – Edital Elisabete Anderle de Estímulo à Cultura / 2014, com Helder Martinovsky, Fundação Catarinense de Cultura – FCC.

2014

Selecionada como uma dentre os 30 finalistas do Prêmio CNI SESI SENAI Marcantonio Vilaça (2014-2015), CNI SESI SENAI.

2012    

Prêmio Conexão Artes Visuais – Funarte/Minc Petrobras, com a publicação experimental coletiva PLUVIAL FLUVIAL, com Claudia Zimmer.

Menção Honrosa no Prêmio Capes de Tese Edição 2012, na área de Artes/Música, com a pesquisa de doutorado Entre a palavra pênsil e a escuta porosa [investigações sob proposições sonoras], Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

2009  

Prêmio de Artes Plásticas Marcantonio Vilaça, com Aline Dias, Julia Amaral e Traplev.

Programa de Intercâmbio e Difusão Cultural, Ministério da Cultura, Brasil.

2008  

Prêmio Aquisição Arte Pará 2008, Fundação Romulo Maiorana, Belém.

Prêmio SIM de Artes Visuais – Sistema Integrado de Museus e Memoriais, com Claudia Zimmer.

2007    

Bolsa de Doutorado FAPESC 06/2007.

2006    

Projeto Fiat Mostra Brasil, Casa Fiat de Cultura – Belo Horizonte.

9° Salão Nacional Victor Meirelles, Museu da Arte de Santa Catarina, Florianópolis (prêmio participação).

2005  

 61º Salão Paranaense, Museu de Arte Contemporânea do Paraná, Curitiba (prêmio participação).

2002    

Edital de Apoio à Produção de Artes Plásticas, Fundação Catarinense de Cultura, Florianópolis.

Referência especial no 8º Salão Nacional Victor Meirelles, Museu de Arte de Santa Catarina, Florianópolis.

1º Salão Luiz Henrique Schwanke de Arte Contemporânea, Centro Cultural de Jaraguá do Sul (Prêmio aquisitivo).

2000    

Bolsa de Mestrado CAPES – PPGAV/UFRGS.

1999    

Programa Rumos Visuais – Itaú Cultural, Instituto Itaú Cultural, São Paulo.

 

ACERVOS

Acervo de Publicações – Casa Tomada, São Paulo, SP.

Associação Cultural In-Sonora, Madri, Espanha.

Associação Cultural Videobrasil, São Paulo, SP.

Centro Cultural de Jaraguá do Sul, Jaraguá do Sul, SC.

Fundação Cultural de Criciúma, Criciúma, SC.

Fundação Rômulo Maiorana, Belém, PA.

Fugitive Video Project, Nashville, Estados Unidos.

Museu Victor Meirelles, Florianópolis, SC.

Museu de Arte de Santa Catarina, Florianópolis, SC.

Museu de Arte Contemporânea do Paraná, Curitiba, PR.

Studio Banana, Madri, Espanha.

Projecto Multiplo (projeto de Paula Borghi), São Paulo, SP.

Projeto ARMAZÉM (projeto coordenado por Juliana Crispe), Florianópolis, SC.

Plataforma Sobrelivros (projeto de Bruno Mendonça e Rafaela Jemmene), São Paulo, SP. 

Sala de leitura | Sala de escuta (projeto coordenado por Raquel Stolf e Regina Melim – DAV/CEART/UDESC), Florianópolis, SC.

 
 
 
 
 
Comments (0)

Deixe uma resposta