Assonâncias de silêncios [biblioteca]

2011

Intervenção sonora: proposta de ativação da paisagem sonora da Biblioteca da Faculdade de Direito, no Campus Central da UFRGS, através da distribuição de impressos (notas-desenhos para escuta simultânea) e audição de fragmentos de gravações de campo veiculados sobre uma de suas mesas (silêncios pré-gravados da própria Biblioteca). Proposição desenvolvida para o Projeto Diálogos Abertos – Perdidos no Espaço no Campus Central da UFRGS, em Porto Alegre-RS, entre setembro e novembro de 2011.

 

raquelstolf_vistaannaOK

raquelstolf_detalheleituraanna1

raquelstolf_detalhe_annalendo

raquelstolf_detalhemesa

raquelstolf_detalheimpressos

raquelstolf_ociosocaixas

raquelstolf_irrecuperavel_caixas

raquelstolf_irrecuperavel_detalhecaixa

 

 

 

 

 

raquelstol_silencioirrecuperavel1 raquelstolf_silencioocioso2 1

 

 

 

 

 

 

 

 

Há um desdobramento do trabalho para o Jornal do Projeto Diálogos Abertos – Perdidos no Espaço no Campus Central, que se intersecta com: https://soundcloud.com/irrecuperavel-ou-ocioso.

As tipologias de silêncios foram construídas a partir de minha visita à Biblioteca de Direito da UFRGS, na tarde e noite de 14/09/2011, para gravar alguns silêncios. Quando subi a escada de madeira escura (para ir até uma espécie de mezanino), avistei sobre as estantes de livros várias caixas de papelão empilhadas, as quais tinham etiquetas brancas coladas, com os dizeres: ARQUIVO IRRECUPERÁVEL e ARQUIVO OCIOSO. Esses textos permaneceram imóveis em minha escuta. Fiquei pensando muito no acervo de 100 anos, num silêncio ocioso (da gata Mimi, que visita/habita a Biblioteca e lambe as patas na atmosfera de leitura) e num silêncio irrecuperável. O que se perde na escuta? o que se perde no tempo? O que não podemos perder? 

• Mais informações sobre o Projeto Diálogos Abertos – Perdidos no Espaço no Campus Central no site: www6.ufrgs.br/escultura

 

Assonâncias de silêncios [biblioteca], 2011 | 2011 | ___________, projeto Assonâncias de silêncios | Comments (0)